Product was successfully added to your shopping cart.
Suplementação
  
Saúde e Beleza
  

Garcinia Cambogia: para que serve, efeitos e como tomar

Colágeno Tipos 1, 2 e 3

Para que serve a Garcinia Cambogia? A planta medicinal originária do Camboja, do sul da África e da Polinésia é recorrentemente usada na prevenção da diabetes, obesidade e dos distúrbios intestinais. E a Garcinia Cambogia tem comprovação científica disso.

Segundo um estudo publicado na Phytotherapy Research, o extrato de Garcinia Cambogia pode tratar dos distúrbios gastrointestinais. Em tratamento oral, os resultados foram a proteção da mucosa gástrica contra a acidez do suco gástrico.

E esse não é o único resultado cientificamente comprovado dos produtos naturais derivados da planta medicinal. Veja agora para que serve a Garcinia Cambogia!

Veja o que você irá encontrar neste artigo:

O que é a a Garcinia Cambogia?

O principal elemento que garante os benefícios para a saúde é a casca da Garcinia, que apresenta gosto ácido e as principais substâncias ativas.

A Garcinia Cambogia se trata de uma planta medicinal da espécie Garcinia gummi-gutta, sendo também conhecida como citrino, malabar tamarindo, goraka e árvore do petróleo. Seus frutos são semelhantes a uma pequena abóbora.

Essa pequena “abóbora” é rica em alcaloides, aminoácidos, flavonoides, compostos fenólicos e ácidos orgânicos que ajudam na perda de peso. Também são úteis na regulação dos níveis de colesterol e na melhora dos níveis de energia e disposição.

A parte que é normalmente utilizada para fins medicinais é a casca do fruto, que é de onde são extraídas as substâncias ativas. A casca também é utilizada como conservante de alimentos e aromatizante, tendo um gosto ácido.

Sua principal substância é o ácido hidroxicítrico, também conhecido como hidroxicitrato. Essa substância se relaciona diretamente com a inibição do apetite (controlando o hormônio da fome, a leptina) e aceleração do metabolismo.

Para que serve a Garcinia Cambogia?

A fruta nativa do continente asiático é conhecida principalmente pela ajuda na perda de peso. Ela apresenta inúmeras propriedades, podendo ser citadas as:

  • Anti-inflamatórias;
  • Antioxidantes;
  • Antiulcerosas;
  • Antimicrobianas;
  • Antidiabéticas;
  • Diuréticas;
  • Anti-helmínticas.

A Garcinia auxilia na perda de peso, melhora os níveis de energia e disposição, fortalece o sistema imunológico e lida com problemas de saúde. Os principais problemas para os quais é recomendada são o diabetes e distúrbios gastrointestinais.

Garcinia Cambogia

Garcinia Cambogia emagrece mesmo?

O ácido hidroxicítrico presente na casca da Garcinia é útil no processo de emagrecimento. Ele atua no bloqueio da enzima responsável pela transformação dos açúcares e outros tipos de carboidratos em gordura no corpo.

Sem a Garcinia, o excedente de açúcar no organismo é transformado em triglicérides e armazenado como gordura, o que pode levar à obesidade e diabetes. Então sim, a Garcinia Cambogia emagrece.

Além disso, ela apresenta o inibidor natural do apetite, pois estimula a produção de serotonina, o neurotransmissor que regula o humor, sono e apetite. Dessa forma, aumenta a sensação de bem-estar e também a de prazer após uma refeição.

Quais são os benefícios da Garcinia Cambogia?

Há diferentes benefícios da Garcinia Cambogia que podem ser citados – e alguns já foram citados. Devido a sua composição, os diversos benefícios para a saúde são notados no sistema gastrointestinal e no metabolismo, principalmente.

Conheça agora alguns!

Atua na redução da gordura corporal

A perda de peso é o principal benefício da Garcinia Cambogia e o mais citado até agora. De acordo com uma publicação na IUBMB Journals, o extrato das sementes de Garcinia apresentam efeitos hematológicos e antiobesidade.

O extrato melhora os níveis de gordura no sangue e no fígado, o que reduz o risco da obesidade e das doenças cardiovasculares, consequentemente.

Além disso, a Garcinia acelera o metabolismo, ajudando na queima do acúmulo de gordura corporal. Por fim, as suas substâncias ativas aumentam o nível de serotonina, reduzindo a ação da leptina, o que leva ao aumento da saciedade.

Pode aumentar a energia e a performance física

Em diferentes intensidades, os praticantes de atividade física que consomem a Garcinia Cambogia relatam aumento na performance atlética. A razão para isso pode ser o aumento da quebra de gordura e a redução da quebra de carboidratos.

Isso melhora a resistência física e acaba poupando as reservas de açúcar que se encontram no organismo.

Auxilia no combate a diabetes

Segundo a publicação na revista Elsevier, foi notado que a Garcinia Cambogia melhora o metabolismo da glicose, pois reduz a necessidade pela insulina. Ao controlar a quantidade de açúcar no corpo, a Garcinia acaba auxiliando no combate a diabetes.

Tem um eficiente papel contra a úlcera gástrica

Como apontado no começo do artigo, a Garcinia é capaz de tratar dos distúrbios gastrointestinais. Ela protege a mucosa gástrica contra o suco, diminuindo a sua acidez e aumentando a defesa da mucosa nas áreas gástricas.

Sendo assim, ser um antiulcerogênico é um dos principais benefícios da Garcinia Cambogia.

Fortalece a imunidade e combate o envelhecimento precoce

Por suas propriedades anti-inflamatórias, a Garcinia combate a ação dos radicais livres, que costumam causar estresse oxidativo. Esse estresse é uma das principais causas que levam ao envelhecimento precoce.

Ao combater o estresse oxidativo, a planta medicinal previne diversas doenças que atacariam a imunidade do organismo. Nisso, também retarda o envelhecimento da pele, caracterizado pelo surgimento de rugas e linhas de expressão.

Age contra o colesterol alto e os triglicerídeos

A Garcinia também é capaz de atuar na redução do colesterol alto, segundo pesquisa de 2004 publicada na Nutrition Research. Nela, notou-se a redução do colesterol total (-6,3%), do colesterol ruim ou LDL (-12,3%) e dos triglicerídeos (-8,6%).

Também se notou o aumento dos níveis de colesterol bom ou HDL (+10,7%) e da excreção dos metabólitos de gordura pela urina (125 a 258%).

Outros benefícios menores da Garcinia Cambogia

Além dos benefícios para a saúde já citados, o extrato da Garcinia também proporciona outros benefícios menores:

  • Reduz a ação das bactérias no organismo;
  • Fortalece o organismo contra a ação da malária;
  • Apresenta efeito diurético, o que ajuda na eliminação do sódio e, consequentemente, auxilia no tratamento da hipertensão;
  • Melhora a absorção de minerais pelo organismo, o que permite que ele aproveite melhor deles.

Como se pode tomar a Garcinia Cambogia?

A planta da espécie Garcinia gummi-gutta pode ser consumida de maneira natural ou processada, tendo ambas as formas um excelente valor medicinal. Na sua estrutura natural, pode ser ingerida como chá de Garcinia.

Na sua estrutura processada, é consumível na forma de suplementos em cápsulas, que são preparados com o pó da casca do fruto. Em geral, a Garcinia em ambas as formas é usada para a perda de peso, sendo o seu consumo associado com:

Para o uso terapêutico eficaz da Garcinia Cambogia, é importante a consulta com um especialista da área da saúde. Apenas ele é capaz de recomendar a dose ideal para cada pessoa.

Chá de Garcinia Cambogia

No chá de Garcinia, se usa a casca da fruta na forma de pó. O passo a passo para o seu preparo é simples: adicione 1 colher de chá do pó de Garcinia Cambogia em 1 copo de água e misture bem até estar completamente dissolvido.

A dosagem do chá é de 1 copo até 3 vezes por dia, sendo recomendado o consumo dele antes das principais refeições: café da manhã, almoço e jantar.

É preciso lembrar que no Brasil, fruta e o extrato são mais difíceis de encontrar, sendo o suplemento de Garcinia Cambogia uma excelente alternativa.

Suplementos de Garcinia Cambogia

Os suplementos de Garcinia costumam ser encontrados com cápsulas de 500-800 mg no mercado. Em geral, é recomendado iniciar o consumo com doses pequenas, variando entre 250 à 1000 mg por dia.

A dose padrão para o consumo do suplemento é de 2 cápsulas de 500 mg até 3 vezes ao dia, 30-60 minutos antes das principais refeições. A mesma dosagem é indicada para cápsulas de 800 mg, que é o oferecido pela Spring Valley em suas 90 cápsulas.

Segundo uma revisão científica divulgada em 2012 no Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine, até 2.800 mg de Garcinia por dia não costuma causar efeitos colaterais.

De qualquer forma, na hora de escolher o suplemento, é importante que opte por aqueles que apresentam 50-60% de HCA (Ácido Hidroxicítrico) na fórmula.

O suplemento pode ser consumido por crianças?

Sim, mas apenas por crianças maiores de 12 anos, sendo recomendada a dosagem de 1 cápsula 3 vezes ao dia. Ela deve ser sempre ingerida antes das refeições, e nunca se pode exceder das 3 cápsulas.

Quais são as contraindicações da Garcinia Cambogia?

Antes de apontar as principais contraindicações da Garcinia Cambogia, é necessário conhecer as principais indicações. A planta medicinal é indicada principalmente para quem busca emagrecer, mas também pode ser utilizada contra:

  • Diabetes;
  • Úlcera no estômago;
  • Hemorroida;
  • Prisão de ventre;
  • Inchaço;
  • Vermes intestinais;
  • Reumatismo;
  • Menstruação de ciclo irregular;
  • Triglicerídeos e colesterol altos.

Quanto às contraindicações, a Garcinia Cambogia não deve ser usada por crianças menores de 12 anos e mulheres grávidas ou lactantes. Também não é recomendada para pessoas que utilizam de antidepressivos para aumento da serotonina.

Por fim, pessoas alérgicas à Garcinia ou a qualquer outro componente presente no suplemento devem obviamente evitar o consumo.

Um alerta especial ao diabéticos. Diabéticos podem consumir a Garcinia Cambogia, mas com precaução, de forma que não reduzam muito os níveis de açúcar no sangue. Isso pode levar a uma crise de hipoglicemia.

Quais são os efeitos colaterais da Garcinia Cambogia?

Os efeitos colaterais da Garcinia Cambogia não são comuns, mas podem ocorrer se consumir ela por mais de 12 semanas ou em quantidade exagerada. Os principais efeitos são náuseas, vômitos, diarreias, dor de estômago, dor de garganta, tontura e boca seca.

Outros efeitos colaterais da Garcinia Cambogia são sérios problemas no fígado, causados pela hepatite aguda ou insuficiência hepática. Esses problemas podem ser notados através dos seguintes sintomas:

  • Dor abdominal;
  • Náusea;
  • Urina escura e fezes claras ou esbranquiçadas;
  • Pele e olhos amarelados.

Caso algum desses efeitos surja, é recomendada a interrupção do tratamento com a Garcinia e a busca da ajuda médica ou pronto socorro mais próximo.

Garcinia Cambogia

Conclusão

A Garcinia Cambogia é uma planta medicinal de grande efeito positivo no organismo, devido às suas substâncias ativas. A “pequena abóbora” é rica em alcaloides, aminoácidos, flavonoides, compostos fenólicos, xantona, benzofenonas e HCA.

O ácido hidroxicítrico é, provavelmente, o seu maior ativo, já que é o principal responsável pelos efeitos medicinais. A Garcinia Cambogia emagrece, em parte, por causa da presença dessa substância na composição.

Porém, a Garcinia não apenas emagrece, ela promove toda uma limpeza do organismo, principalmente no sistema gastrointestinal. Dessa forma, ela se torna um item essencial para quem busca uma vida mais saudável.

A Garcinia Cambogia é um suplemento (ou chá) que deve fazer parte do dia a dia de quem busca viver mais. Agora que sabe para que serve, comenta aí embaixo o que achou ou se tem dúvidas. Se gostou do conteúdo, compartilhe e participe de forma ativa aqui!