Product was successfully added to your shopping cart.
Suplementação
  
Bem-estar
  

Spirulina: o que é, para que serve, benefícios e efeitos colaterais

Spirulina

Recentemente, a Spirulina ficou conhecida por ser uma grande aliada no emagrecimento. Mas o que pouco se sabe é que essa microalga traz uma série de benefícios para saúde em geral, atuando principalmente na saúde cardiovascular.

Quer saber mais sobre o que é spirulina, como tomar e seus benefícios para a saúde do corpo? Confira neste artigo!

Veja o que você irá encontrar neste artigo:

O que é e para que serve Spirulina?

Conheça a alga azul utilizada há milênios por seu alto teor nutricional

A Spirulina é um tipo de alga que tem sido utilizada hoje como suplemento alimentar graças ao seu alto teor de proteínas, vitaminas do complexo B, ferro e antioxidantes e uma grande variedade de minerais.

Há milhares de anos, os astecas utilizam essa microalga no preparo de molhos e de refeições no geral.

Hoje ela é consumida na forma desidratada em comprimidos, pó ou cápsulas, devido ao seu gosto, cheiro e aparência não muito agradáveis.

Ela é vista pela OMS como alimento do milênio e foi utilizada até como suplemento em programas da Nasa em missões espaciais.

Mas o que faz esse alimento ser tão especial? Veja a seguir!

Para que serve a Spirulina?

A Spirulina é um superalimento que se destaca por auxiliar na saúde do coração e prevenir infarto, derrame e aterosclerose. Além de ser eficiente também no tratamento de diabetes, alergias respiratórias e ainda auxiliar no ganho de massa muscular

Sendo bem completa, possui mais de 50 nutrientes benefícios para o organismo. Veja alguns deles:

  • proteínas (ficocianinas e biliproteínas) e aminoácidos essenciais como a leucina, lisina, triptofano, dentre outros;
  • rica em lipídios;
  • contém ácidos graxos essenciais como o ômega-3 e ômega-6;
  • rica em vitaminas (E, K e do complexo B);
  • possui uma ampla gama de minerais como o zinco, potássio, ferro, cálcio, magnésio, cobre e selênio;
  • possui antioxidantes como o ácido gálico e a ficocianina.

No geral, esses componentes auxiliam na melhoria do perfil lipídico, possui propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias que auxiliam no tratamento de alergias respiratórias e a prevenir o câncer.

Além de ser muito indicada no tratamento de pressão alta, diabetes e anemia.

E mais! Por conter um alto teor de nutrientes, se torna um ótimo alimento para compor a rotina alimentar de veganos e pessoas com restrições alimentares.

Por fim, por se tratar de um alimento tão rico em benefícios e está relacionado à prevenção e tratamento de doenças, se encaixa na categoria de alimentos nutracêuticos.

Confira a seguir todos os benefícios de incluir a Spirulina em seu cardápio nutricional.

Conheça 6 benefícios da Spirulina para o organismo

1. Auxilia na redução do colesterol ruim e triglicerídeos

Estudos mostram que a Spirulina contribui de forma eficiente para a redução do colesterol LDL e dos triglicerídeos, além de potencializar o aumento do colesterol bom.

Isso graças aos antioxidantes betacaroteno e ácido gálicos presentes em sua composição, que, além de reduzir o colesterol ruim, também previnem doenças como infarto, aterosclerose e derrame.

2. Ajuda a diminuir o índice de açúcar no sangue e no tratamento de diabetes

A Spirulina possui em sua composição ativos antioxidantes e gorduras polinsaturadas que podem promover a redução do índice de açúcar no sangue, sendo uma boa aliada para quem possui diabetes e precisa controlar os níveis de glicose no sangue.

3. Eficiente no tratamento da anemia

Por ser riquíssima em ferro, o alimento pode ser usado como suplementação para pessoas que sofrem com carência desse mineral ou estão sofrendo com a anemia.

A ingestão da microalga pode aumentar consideravelmente os níveis de hemoglobina no sangue, sendo uma poderosa aliada no tratamento da anemia.

4. Contribui para maior disposição e resistência muscular

A spirulina, inclusive, é muito indicada para atletas devido a sua eficiência no aumento da disposição e energia e por contribuir para manutenção e regeneração muscular.

Além disso, o alimento conta com o ácido y-linolênico, uma gordura capaz de trazer maior resistência e força para os músculos.

No geral, estudos mostram que doses entre 6 a 8g de spirulina por 4 semanas podem ajudar a prevenir a perda de massa muscular, reduzir a fadiga após exercícios e melhorar o desempenho durante atividades físicas.

5. Alivia sintomas de rinite alérgica

Por ser um excelente anti-inflamatório e fortalecer o sistema imunológico, potencializando a função dos anticorpos, a Spirulina é ótima no tratamento natural complementar da rinite alérgica, auxiliando a aliviar os sintomas.

A microalga pode reduzir sintomas como congestão e corrimento nasal, coceira e espirros, oferecendo melhor qualidade de vida para pacientes.

6. Excelentes propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes

Seu principal componente ativo, a ficocianina, é um poderoso antioxidante e que atua protegendo as células contra radicais livres.

A microalga é reconhecida pela sua ação anti-inflamatória, antioxidante e neuroprotetora, auxiliando na saúde cardiovascular e do sistema nervoso.

Outros benefícios gerais do consumo de Spirulina

Além dos benefícios citados anteriormente, a Spirulina possui benefícios comprovados em:

  • Melhor o humor e a disposição;
  • Melhorar a atenção e memória, além de oferecer efeito neuroprotetor;
  • Melhorar e fortalecer o sistema imunológico;
  • Auxiliar no tratamento de artrite;
  • Prevenir o envelhecimento precoce;
  • Efeito detox;
  • Efeito antiviral contra a herpes e hepatite C;
  • Previne o câncer.

A Spirulina auxilia mesmo no emagrecimento?

A Spirulina emagrece mesmo? Essa é uma pergunta comum de quem se depara com este superalimento. Além dos benefícios para a saúde, ela pode auxiliar na redução do peso?

A resposta é sim! Estudos associam o consumo da Spirulina com a redução da gordura corporal, do índice de massa corporal e na redução de medidas na circunferência da cintura.

Isso se dá porque ela melhora a resistência do organismo à leptina, um hormônio que regula o apetite e o gasto energético, interferindo na saciedade e, consequentemente, no controle de peso.

Este superalimento também auxilia na prevenção de acúmulo de gordura visceral, aumenta a sensação de saciedade e reduz o estresse oxidativo.

Além disso, a microalga conta com pouquíssimas calorias e grande quantidade de fibras e proteínas, que oferecem maior sensação de saciedade e reduz o inchaço e retenção de líquidos.

Como tomar Spirulina

Como dito anteriormente, por se tratar de um alimento com aparência, cheiro e gosto desagradáveis, ela é encontrada desidratada em comprimido, pó ou cápsula.

A versão em pó costuma ser a mais utilizada, pois pode ser digerida com água ou em conjunto com frutas, saladas ou sucos.

Porém, caso você seja intolerante a sabores amargos, prefira a versão em cápsula.

A dose diária recomendada é de 1 a 10g por dia, que varia de acordo com o objetivo do tratamento e deve ser direcionada por um especialista - médico ou nutricionista, sendo consumida em quantidades fracionadas ao longo do dia ou em dose única.

Veja algumas das doses recomendadas de acordo com cada tratamento:

  • Suplementação: 1g por dia;
  • Para redução de peso: 2-3g por dia;
  • Auxiliar na redução do colesterol: 1-8g por dia;
  • Maior performance muscular e disposição física: 2-8g por dia;
  • Controle de açúcar no sangue: 2g por dia;
  • Controle da pressão arterial: 3-5g por dia.

O que acontece se tomar Spirulina em excesso?

As chances de haver efeitos colaterais no consumo de Spirulina são mínimas, porém alguns indivíduos podem apresentar tontura, dores de cabeça, náuseas, vômitos ou diarreia.

O consumo em excesso da microalga aumenta as chances de ocorrerem reações adversas como reações alérgicas - coceira e manchas vermelhas na pele -, dores abdominais ou dificuldade para respirar ou engolir.

Havendo algum desses sintomas, é recomendado procurar atendimento médico com urgência.

Devidos cuidados

Lembre-se de adquirir produtos de fontes confiáveis e que tenham procedência segura. O cultivo incorreto da Spirulina pode fazer com que o produto contenha metais pesados e outras substâncias tóxicas ao organismo.

Conclusão

Não é à toa que a Spirulina é considerada o alimento do milênio, já que apresenta tantos benefícios para a saúde do organismo e qualidade de vida.

Consulte seu médico ou nutricionista de confiança para recomendar a dose necessária para o seu dia-a-dia e o tratamento correto.

Aqui em nossa loja você encontra uma gama de produtos confiáveis e de qualidade para sua saúde e bem-estar diários. Não deixe de conferir!